O QUE É A DERMATITE ATÓPICA?

Article Read Duration 10 minuto(s) de leitura

A dermatite atópica é uma doen?a de pele de família e que afeta principalmente as crian?as. A pele atópica tem uma constitui??o seca com uma “fun??o de barreira” prejudicada. Alguns alérgenos podem penetrar na pele e causar inflama??o. O resultado? Coceira intensa, que afeta o sono e a qualidade de vida. A dermatite atópica precisa de um tratamento específico durante as crises e uma rotina de manuten??o específica:


• Limpe suavemente com um substituto do sab?o
• Aplique o emoliente pelo menos duas vezes ao dia
• Tome banho imediatamente após praticar esporte e depois aplique emoliente
• Equilibre novamente as bactérias amigas de sua pele

DE ONDE VEM A DERMATITE
ATóPICA?

Muitas pessoas têm uma predisposi??o genética para a dermatite atópica, o que significa que a dermatite atópica (ou eczema atópico) é de família. As pessoas afetadas por essa doen?a têm um sistema altamente reativo e têm a tendência a doen?as alérgicas, como asma e rinite alérgica. A pele atópica é seca por natureza. A pele normal produz um filme oleoso para se proteger, enquanto a pele atópica n?o o produz (mas n?o se preocupe, estamos aqui para te ajudar!) Esse filme é conhecido como “barreira da pele” ou “fun??o de barreira” da pele. A pele com tendência ao eczema é como “se estivesse descascada”, com isso alguns alérgenos em nosso ambiente conseguem penetrar nas camadas mais profundas da epiderme. Eles ent?o estimulam o sistema imunológico, que ent?o contra-ataca. Isso faz com que os sinais clínicos da dermatite atópica apare?am: coceira, inflama??o e secre??o. Os fatores ambientais, como a polui??o, também podem explicar o aumento significativo da dermatite atópica ao longo dos últimos anos. Há inclusive provas de que o desequilíbrio da bactéria amiga da pele pode ser um fator importante na dermatite atópica.

QUAIS SÃO OS SINTOMAS DA
DERMATITE ATÓPICA?

Eczema no rosto

O eczema atópico é uma pele muito seca que parece estar esticada e com coceira. Ele aparece principalmente no rosto dos bebês. Os sintomas da dermatite atópica no rosto também inclui descamação e áreas ásperas e vermelhas. Os sinais visíveis do eczema atópico no rosto podem ter um impacto real no bem-estar da criança, já que ela pode ter vergonha ou se sentir ansiosa em público. A boa notícia é que com o tratamento certo e uma rotina diária de cuidados entre as crises, o eczema atópico de seu filho ou sua filha pode ser tratado com eficiência e até mesmo deixar de ser um problema.

 

Eczema no corpo

Nos recém-nascidos, a dermatite atópica é encontrada com maior frequência no rosto, especialmente nas bochechas e no queixo. Conforme a criança vai crescendo, as áreas de eczema ficam localizadas principalmente no pescoço e nas dobras em volta dos cotovelos, pulso e atrás dos joelhos. Os sintomas incluem áreas de pele seca e com conceira intensa, muitas vezes com marcas de coceira visíveis. Com o tempo, a pele pode ficar espessa e endurecida em um processo chamado de “liquenificação.” Se seu filho ou sua filha tiver alguns desses sintomas, procure seu clínico geral ou dermatologista.

QUANDO A DERMATITE ATÓPICA
COMEÇA?

Eczema em bebês

A dermatite atópica ou eczema atópico geralmente aparece durante os primeiros meses de vida. A pele do bebê com tendência à atopia é tratada com substitutos de sabonetes (syndets) para lavar e emolientes. Não deixe de usar um emoliente especificamente adaptado à pele com tendência à atopia desde os primeiros dias de vida do bebê.

 

É possível curar o eczema atópico do meu filho ou da minha filha?

Em 50% dos casos de crianças com eczema atópico antes de 1 ano, a doença desaparece sozinha até os 5 anos. Não há uma cura definitiva, mas a pele muito seca pode ser tratada com determinadas medidas, como o uso de substituto de sabonete para lavagem, uso de água morna nos banhos em vez de água quente e aplicação de emoliente duas vezes ao dia. Os surtos graves podem ser tratados com cremes corticoides tópicos, mas eles só podem ser usados por um período limitado, pois podem causar efeitos colaterais, como o afinamento da pele.

ECZEMA ATÓPICO:
UM IMPACTO REAL NA VIDA DE UMA CRIANÇA

Eczema em bebês

O principal sintoma da dermatite atópica é o “prurido” ou coceira, que afeta o bem-estar da criança. Os problemas frequentes incluem sono prejudicado, mudanças de humor e desconforto permanente. Quando uma criança tem pele atópica, toda a família sente os efeitos:
• 58% das crianças atópicas tem problemas de sono1,
• dos pais declaram que eles fizeram mudanças na vida cotidiana2 ,
• dos pais acham que a doença da criança tem um impacto em seu próprio estado emocional3.

NÃO COCE. EM VEZ DISSO,
ACALME A COCEIRA

Enquanto coçar pode trazer um alívio temporário, isso só fará com que o eczema continue existindo, já que a coceira danifica ainda mais a barreira de proteção da pele. O resultado disso é um ciclo frustrante de coceira. Para acabar com esse círculo vicioso da dermatite atópica ou eczema, é importante acalmar a coceira.
Continue a leitura para descobrir dicas de estilo de vida para reduzir a coceira irritante, além de um guia sobre os tratamentos que seu médico pode prescrever durante as crises.

5 PRINCIPAIS DICAS
PARA UMA VIDA COM MENOS COCEIRA!

1. Limpe a pele com tendência à atopia suavemente

Opte por banhos com água morna em vez de banhos de banheira e limite-os a 10 minutos no máximo. Evite produtos que formem espuma, que podem ser agressivos para a pele e escolha sabonetes sem sabão, como Syndets que limpam a pele sem causar irritação. Não deixe também de usar shampoos adequados para a pele mais sensível depois dos 3 anos de idade. Depois de cada banho, aplique um emoliente criado especificamente para a pele com tendência à atopia.

 

2. Você tem pele com tendência à atopia? Guerra contra os ácaros!

O eczema atópico é associado a pele muito seca que não tem os lipídios que protegem a pele normal contra determinados alérgenos externos, como os ácaros domésticos. Passe o aspirador de pó e areje os cômodos regularmente, especialmente os quartos. Se necessário, compre protetores de colchões e travesseiros que sejam específicos para evitar ácaros.

 

3. Tenha um sono reparador

A pele com tendência à atopia é caracterizada pela pele seca que desencadeia a coceira, o que pode prejudicar as crianças à noite… e os pais também! Ajude todos a ter uma boa noite de sono ao manter a temperatura do quarto entre 18 e 20 graus: Isso impede que a atmosfera fique muito seca. Se necessário, adquira umidificadores de ar. E, claro, não esqueça de passar o emoliente à noite.

 

4. O algodão é o material perfeito para as peles com tendência à atopia

Se você tiver a pele seca, é essencial que evite suar em excesso, pois isso poderia causar irritação. Lã e tecidos sintéticos devem ser evitados. Em vez disso, prefira algodão respirável, que é mais macio para a pele. E se você suar enquanto se exercita, então…

 

5. Pratique esportes, mas tome um banho logo em seguida

O exercício não é proibido para quem tem pele com tendência à dermatite atópica, mas tome cuidado para não deixar o suor na pele por muito tempo, pois isso pode provocar irritação. O ideal é usar roupas folgadas e respiráveis que eliminam o suor da sua pele. Depois da sessão de exercícios, tome banho imediatamente usando um sabonete em creme adequado  e aplique um emoliente para pele com tendência à dermatite atópica. O seu produto emoliente deve hidratar a pele e devolver o equilíbrio às bactérias boas.

QUEM TRATA A DERMATITE ATóPICA
QUANDO AS MUDAN?AS NO ESTILO DE VIDA N?O S?O SUFICIENTES?

Se você acha que seu filho pode ter dermatite atópica, o profissional mais adequado para tratar o problema é um dermatologista. Somente ele será capaz de dar um diagnóstico preciso, receitar o tratamento e passar as recomenda??es mais adequadas. Casos mais leves de dermatite atópica também podem ser tratados pelo clínico geral, e é sempre válido pedir sugest?es ao farmacêutico sobre os tratamentos recomendados.

ENTENDENDO A
ROTINA PARA DERMATITE ATÓPICA

O cuidado diário para a dermatite atópica se divide basicamente em duas categorias: tratamento para surtos e rotina de manutenção entre os surtos.

 

Tratamento para os surtos de dermatite atópica

Quando os sintomas de dermatite atópica são severos (manchas ressecadas e avermelhadas, marcas de arranhões, várias imperfeições…), os dermatologistas recomendam cremes de corticoide. Esses tratamentos para dermatite atópica têm ação anti-inflamatória e devem ser aplicados nas áreas inflamadas da pele para acalmar e diminuir os danos causados pela coceira o mais rápido possível. A aplicação de corticoide duas vezes ao dia é geralmente a recomendação mais comum. Preocupado se eles são seguros? Continue lendo…

 

Cremes de corticoide são seguros se usados corretamente

Em alguns países, o uso de cortisona não é comum devido aos seus supostos efeitos colaterais: retenção de água, distúrbios do sono, um ritmo de crescimento mais lento etc. No entanto, esses fenômenos estão relacionados somente aos corticoides de uso oral.
Na forma em creme, o corticoide permanece na superfície da pele e não provoca esses efeitos colaterais severos. No entanto, é sempre bom ter cuidado, pois o uso em excesso de corticoides tópicos pode afinar e enfraquecer a pele. Os cremes de esteroide não são recomendados para aplicação no rosto, onde a pele é mais fina.

 

Fase de manutenção com emolientes

A manutenção entre surtos é uma parte fundamental para tratar a pele com tendência à dermatite atópica.
Quando as lesões da dermatite atópica tiverem sumido, os cremes emolientes restauram a emulsão óleo em água que protege a superfície da pele (o “manto hidrolipídico” ou “barreira cutânea” que mencionamos acima) e limitam a penetração de irritantes. Os cremes para pele com tendência à atopia devem ser aplicados no corpo inteiro uma ou duas vezes por dia para hidratar a pele e devolver o equilíbrio às bactérias boas, reduzindo a coceira provocada por áreas ressecadas e prevenindo o surgimento de novos surtos ou limitando a sua duração. Ao manter a pele hidratada e protegida com um emoliente potente, você pode impedir que fatores prejudiciais do ambiente incomodem a sua pele, ajudando a quebrar o ciclo de coceira.

A IMPORTÂNCIA DE SER CONSISTENTE NO TRATAMENTO PARA
DERMATITE ATÓPICA E NA ROTINA DIÁRIA DE CUIDADOS

Como a dermatite atópica é uma condição crônica da pele, o segredo para um tratamento eficaz é consistência. É importante se manter sempre em alerta e ficar de olho no surgimento de novas manchas avermelhadas que podem precisar do tratamento com creme de corticoide, além de ser extremamente meticuloso com a rotina de manutenção.

Para a limpeza diária, use água morna e um substituto para sabão e aplique um emoliente específico para pele com tendência à dermatite atópica. Um emoliente adequado deve ser aplicado pelo menos uma vez ao dia. Além disso, não hesite em mostrar ao dermatologista como você aplica os cremes corretamente no seu filho.

INCLUA
O SEU FILHO!

Como você precisará aplicar emoliente duas vezes ao dia, será sempre mais fácil se você deixar mais divertido! Experimente colocar a música favorita da crian?a para tocar enquanto você passa a pomada ou quem sabe criar uma música de aplica??o do creme ou aplicar o creme em desenho. O importante é que o seu filho fique motivado a cuidar consistentemente da sua dermatite atópica como parte de uma rotina regular pela manh? ou à noite. N?o hesite em dar um pouco de autonomia à crian?a - ela pode surpreender você!

ECZEMA ATóPICO
E AS BACTéRIAS QUE VIVEM NA PELE

A pele saudável é o lar de bilh?es de bactérias boas que vivem alegremente em cada milímetro quadrado da pele. Em contrapartida, a dermatite atópica está associada a uma diminui??o da diversidade desses micro-organismos (bactérias, fungos, arqueobactérias…), conhecidos com microbioma. Até ent?o, o que tentávamos fazer era erradicar os micro-organismos presentes no corpo e na superfície da pele. Mas pesquisas recentes mostraram que, na verdade, esses micro-organismos fazem parte de um patrim?nio bacteriano equilibrado que interage com nosso corpo para garantir que ele funcione corretamente. O que acontece é que no caso da dermatite atópica o microbioma está desequilibrado.

RESTAURANDO O MICROBIOMA
PARA TRATAR A PELE COM TENDÊNCIA À ATOPIA

O melhor emoliente para pele com tendência à dermatite atópica é aquele que restaura a barreira de lipídios da pele e devolve o equilíbrio ao microbioma. Em um estudo clínico, os laboratórios da La Roche-Posay mostraram que não é suficiente apenas restaurar a função da barreira da pele para proporcionar um alívio duradouro na pele com tendência à dermatite atópica. Restaurar o equilíbrio do microbioma é tão importante quanto. Com o hidratante ideal você consegue restaurar os lipídios da pele ao mesmo tempo em que devolve o equilíbrio ao microbioma, para oferecer um alívio imediato à criança e um efeito anticoceira de 24 horas, além de reduzir a frequência do surgimento de áreas secas.

UMA ROTINA DIÁRIA DE CUIDADOS
PARA CRIANÇAS COM PELE COM TENDÊNCIA À DERMATITE ATÓPICA

Quais produtos de cuidado diário são adequados para a pele com tendência à dermatite atópica?

Para o banho de crianças de pele com tendência à atopia, prefira produtos adequados que ajudam a devolver o conforto e o bem-estar das crianças com condições de pele seca. Com a ponta dos dedos, use "sabonete sem sabão", para ensaboar. Enxágue completamente. Ele também é livre de fragrâncias.

Com a pele ainda úmida, aplique um emoliente potente que atua na barreira lipídica da pele e ajuda a devolver o equilíbrio ao seu microbioma.

LA ROCHE-POSAY, EM PARCERIA
COM VOCÊ PELO BEM DA PELE COM TENDÊNCIA À ATOPIA

A La Roche-Posay administra mais de 80 Escolas de Atopia em todo o mundo para melhorar a qualidade de vida de crianças com pele atópica e fazê-las se sentir menos isoladas. Uma dessas escolas está localizada no Centro Termal La Roche-Posay, o centro termal dermatológico nº 1 da Europa, onde milhares de pacientes com dermatite atópica são tratados a cada ano4.

Nas Escolas de Atopia, as crianças, junto com seus pais, podem participar de oficinas sobre como aplicar as pomadas e aprender como cuidar da própria pele. Elas recebem recomendações sobre como evitar coçar a pele e conhecem as melhores formas de aplicar emolientes em um ambiente divertido e descontraído.


1Clinical study, 209 children aged between 2 and 16 (average age: 8) with mild to moderate atopic dermatitis
2Dimension Baromètre suivi dermatologue 2008, Fr-All-It-Esp [Measurement: Dermatologist monitoring poll 2008, France-Germany-Italy-Spain]
3La Roche-Posay clinical study, at 8 sites (France, Italy, Belgium, Germany, Argentina), 191 child patients aged between 3 and 22 having had atopic dermatitis for 5 years on average.
4Certifications awarded to La Roche-Posay thermal cure as a result of the Europe-wide examination and surveys which ESPA have carried out in 2018

VERDADEIRO
OU FALSO

DERMATITE ATóPICA
PODE SER CONTAGIOSA.

FALSO

A dermatite atópica ou eczema é uma doen?a genética e n?o é contagiosa. O tratamento para os sintomas da dermatite atópica é baseado em substitutos do sab?o, emolientes e corticosteróides tópicos.

DERMATITE ATóPICA
DESAPARECE COM O TEMPO.

VERDADEIRO

Dependendo da crian?a, a dermatite atópica pode durar alguns meses ou anos. Metade dos bebês com dermatite atópica se curam até chegar aos cinco anos. Em alguns casos, a dermatite atópica continua na idade adulta, mas isso é impossível prever. N?o há uma cura definitiva para a dermatite atópica, mas ela pode ser tratada com os produtos corretos.

OS SURTOS DO ECZEMA PODEM
SER DESENCADEADOS PELO STRESS.

VERDADEIRO

N?o sabemos explicar o motivo, mas os especialistas perceberam que as emo??es, o choque e o stress podem ter um papel determinante ao desencadear os surtos da dermatite atópica. No entanto, a dermatite atópica também é conhecida por ser uma doen?a genética. Se o stress for um fator desencadeante para você, busque técnicas de gerenciamento de stress, como mindfulness.

A DIETA PODE
AGRAVAR O ECZEMA?

VERDADEIRO

Determinados alimentos podem agir como desencadeadores do eczema e causar surtos. Se você acha que a alimenta??o pode estar agravando a dermatite atópica em você ou nos seus filhos, consulte um médico. Ele poderá realizar exames de sangue e testes cutaneos para verificar se você tem alergia a diferentes alimentos (os suspeitos de sempre s?o amendoim, leite, soja, trigo, peixe e ovo).

NOSSOS COMPROMISSOS
COM A SEGURAN?A

Padr?es de seguran?a além dos regulamentos internacionais de cosméticos.

simple page

TODOS OS PRODUTOS
TESTADOS PARA ALERGIA

Ver mais
Um pré-requisito = Nenhuma rea??o alérgica
Se percebemos um único caso, voltamos para o laboratório e refazemos a fórmula
simple-page

APENAS O ESSENCIAL,
NA DOSE ATIVA CERTA

Ver mais
Desenvolvidos em colabora??o com dermatologistas e toxicologistas, nossos produtos contêm apenas os ingredientes necessários, na dose ativa certa.
safety

TESTADO
EM PELES
 MUITO SENSíVEIS

Ver mais
A tolerancia de nossos produtos é testada nas peles mais sensíveis: reativa, alérgica, com tendência à acne, atópica, com danos ou enfraquecida por tratamentos contra o cancer.
Simple-page

PROTE??O DA FóRMULA
AO LONGO DO TEMPO

Ver mais
Nós selecionamos as embalagens que mais protegem apenas com os conservantes necessários para garantir uma tolerancia e eficácia perfeitas ao longo do tempo.